segunda-feira, maio 4

Princípios Éticos do Yoga


Niyamas: sim, sim, sim
  • Saucha, limpeza: o yogin deve sempre observar a limpeza do seu corpo, tanto externa como internamente. Assim como o banho diário mantém o corpo limpo por fora, a prática de posturas físicas, exercícios respiratórios e o controle das emoções livram o organismo das toxinas que obstruem os canais energéticos e causam doenças.


  • Santosha, autoconhecimento: alegria por ser, e não ter, O ter é consequência do ser.


  • Tapas, auto esforço, disciplina: na prática do yoga e na vida em geral, é preciso aplicar toda a nossa força de vontade para conquistar nossos objetivos. Por meio de tapas, o yogin progride, vai em direção ao autodesenvolvimento.


  • Swadhyaya, auto-estudo: o yogin deve observar permanentemente seus atos, palavras, pensamentos, emoções e físico. A idéia é ter consciência do corpo, da mente e dos sentimentos.


  • Ishwara Pranidhana, entrega: depois de observar todos os outros yamas e niyamas, o yogin deve se render à energia suprema, entregar-se completamente ao poder do universo, confiado em tudo que conspira ao nosso favor.

Nenhum comentário: